Ídolo do Barcelona, Piqué surpreende e anuncia aposentadoria do futebol; despedida será contra o Almería

Ídolo do Barcelona, Piqué surpreende e anuncia aposentadoria do futebol; despedida será contra o Almería

Piqué, do Barcelona, anunciou através de suas redes sociais que irá se aposentar do futebol


O futebol está chegando ao fim para Gerard Piqué. O zagueiro do Barcelona anunciou nesta quinta-feira (3) que vai se aposentar nos próximos dias.

Em um emocionante vídeo publicado nas redes sociais, o ídolo do time blaugrana fez questão de enviar uma mensagem aos torcedores culé. E anunciou que está pendurando as chuteiras do esporte que o consagrou.

“Como muitos de vocês, sou do Barcelona desde sempre. Nasci em uma família que sempre gostou de futebol e muito culé. Quando pequeno não queria ser jogador, queria ser jogador do Barcelona”, começou por dizer.

“Ultimamente tenho pensado bastante neste menino, que aquele Gerard pensou se tivesse dito que realizaria todos os seus sonhos. Que chegaria ao time principal do Barça, que ganharia todos os títulos possíveis, que seria campeão da Europa e do mundo, que jogaria ao lado dos melhores da história, que seria um dos capitães, que faria amigos para sempre”.

“Faz 25 anos que cheguei ao Barça, fui embora e voltei. O futebol me deu tudo, o Barça me deu tudo. Vocês, culés, me deram tudo. E agora que os sonhos desse menino se realizaram, quero dizer que decidi que é o momento de encerrar este ciclo. Sempre disse que depois do Barça não haveria nenhuma outra equipe. E assim será. Este sábado será o meu último jogo no Camp Nou. Passarei a ser mais um culé. Animarei a equipe e transmitirei o meu amor pelo Barça aos meus filhos, assim como minha família fez comigo. E já me conhecem, cedo ou tarde, voltarei. Nos vemos no Camp Nou. Visca al Barça sempre.”

Piqué vai fazer a sua despedida pelo Barcelona contra o Almería, neste sábado (5), pela 13ª rodada de LaLiga, às 17h (de Brasília), com transmissão ao vivo pela ESPN no Star+.

Aos 35 anos, Piqué tem uma carreira marcante pelo Barcelona, clube pelo qual fez história e se tornou ídolo.

Revelado na base do time catalão, ele chegou a atuar por Manchester United e Real Zaragoza. No entanto, retornou ao Barça na temporada 2008/09 para nunca mais sair.

Ao todo, foram 15 temporadas e muitas conquistas: 8 títulos de LaLiga, 7 de Copas do Rei, 6 de Supercopas da Espanha, 4 canecos de Champions League, 3 de Mundiais de Clubes, 3 títulos de Supercopas da Europa.

Além disso, foi campeão do mundo com a Espanha em 2010.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *