Por que Benfica ficou na frente do PSG no grupo da Champions e como clubes fizeram história

Por que Benfica ficou na frente do PSG no grupo da Champions e como clubes fizeram história

Benfica e PSG terminaram com o mesmo número de pontos, vitórias, empates, derrotas e se igualaram no confronto direto, mas os portugueses ficaram em primeiro


O grupo H da Champions League terminou de maneira histórica e com o Benfica em 1º lugar, a frente do Paris Saint-Germain. Mas por que os portugueses ficaram à frente dos franceses se eles empataram em “tudo”?

Pela primeira vez na história da competição, duas equipes empataram no número de pontos, vitórias, empates, derrotas, gols a favor, gols sofridos, saldo de gols e tiveram dois resultados iguais no confronto direto (1 a 1 em Paris e em Lisboa).

Para desempatar, a Uefa teve que, pela primeira vez, usar o 9º critério: o maior número de gols marcados fora de casa. Com isso, o Benfica somou nove gols, contra seis do PSG.

Fora de casa, os portugueses fizeram um gol nos franceses, dois na Juventus e seis no Maccabi Haifa. Já o PSG fez um no Benfica, dois nos italianos e três nos israelenses.

Dessa forma, o Benfica vai para o pote 1 e já escapa de confrontos contra os favoritos Real Madrid, Manchester City e Bayern de Munique, por exemplo. Em compensação, pode cair nas oitavas de final com Liverpool, Inter de Milão ou Borussia Dortmund.

Agora, a Uefa fará sorteio para definir os confrontos dos mata-matas. O processo será realizado na próxima segunda-feira (7), às 8h (de Brasília).

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *