“O Rei da TV”, sobre Silvio Santos, é pobre e não tem nada a ver – Prisma

"O Rei da TV", sobre Silvio Santos, é pobre e não tem nada a ver - Prisma


As opiniões em contrário, claro, serão inteiramente respeitadas; no entanto, considero bem discutíveis as diversas iniciativas, entre séries e peças de teatro, em querer retratar a figura de Silvio Santos.


Passa como oportunismo barato.


Primeiro que ele, o SS, continua muito bem, obrigado. Saudável e tocando os seus trabalhos com a mesma lucidez e boa vontade de sempre.


E se considerarmos tudo que foi feito até agora, nitidamente percebe-se que, sem querer, querendo, existe uma quase completa busca pelo sensacionalismo chinfrim, com a exploração de trechos, até verdadeiros, mas que de longe não foram os mais importantes da vida dele.


A questão da voz, por exemplo. Em “O Rei da TV”, disponibilizada pelo Star+, logo em seu início ela é colocada como uma tragédia, quando, na verdade, não passou de um problema tratado convenientemente e no seu devido tempo. Nem a carreira do nosso herói e muito menos o SBT correram nenhum tipo de risco.


Um artifício usado apenas com a pretensão de escandalizar e tentar segurar a atenção dos desavisados, mas que também pode levar a muitos — aqueles que acompanharam o que realmente aconteceu — desistir logo de cara.


Outra: a história do “Baú”, com Manoel de Nóbrega, na forma que é apresentada, também em nada corresponde com a realidade dos fatos. Foi tudo diferente. Lamenta-se e é até surpreendente ver um ator, na altura do José Rubens Chacha, de tantos e tão bons desempenhos, se prestar a um papel que em tudo é fantasioso. E mal montado.


Faltou pesquisa e direção.


É por aí o caso. Uma produção pobre, em sua história e realização. E, felizmente, incompleta, como as demais.


Deixa a desejar. E muito.


Assino embaixo


Ontem, quinta, a Record expediu uma nota, condenando agressões aos jornalistas:


“A Record TV condena e repudia a forma como os jornalistas da emissora e de outros veículos de imprensa foram hostilizados e, em alguns casos, agredidos, durante a cobertura das manifestações dos últimos dias.


Prestamos nossa solidariedade com os colegas de profissão que exercem o importante papel na democracia de informar a população. Tais atitudes são injustificáveis. A liberdade de imprensa é um direito assegurado pela Constituição Federal e não pode ser impedida em nenhuma situação”.



Tá dentro


Isabel Teixeira, destaque em “Pantanal” como Maria Bruaca, foi chamada para a gravação da vinheta de fim de ano da Globo.


Há o interesse da sua participação em uma próxima novela.


Para tudo


No SBT, a ordem é essa: só o jornalismo e a dramaturgia em ação, com trabalho normal, nos meses de janeiro e fevereiro.


Quanto ao entretenimento, em se tratando de todos os programas, só reprises.


Moda antiga


Evidente que, parando tudo, a direção do SBT está pensando na economia que isto poderá representar.


Por ser um mês de férias, há o entendimento que não compensa botar nada novo no ar.


Mundo mudou


Essa maneira de agir do SBT é coisa do passado, algo de um período em que havia uma baixa no número de ligados e o mercado comercial nada investia no período.


Só que já há algum tempo deixou de ser assim. Fazer televisão só dez meses no ano é deixar dinheiro escapar pelo ralo. Por que não inventar uma programação alternativa, capaz de atrair a atenção de seus anunciantes? Pensa nisso.


Uma pausa


A atual equipe da série “Reis” trabalha junta desde a segunda temporada. Pauleira.


Desta forma, tudo caminha mesmo para um rápido intervalo do pessoal entre o encerramento da quinta e a estreia da sexta temporada. 


Adaptação


As gravações de “Reis”, com a maioria dos trabalhos em externas, continuam prejudicadas pelas chuvas no Rio de Janeiro.


Isso tem levado a equipe a adaptar várias sequências para o estúdio.



Recorde


Ainda a propósito de “Reis”, na quarta-feira, a série registrou o seu melhor desempenho da temporada em São Paulo.


Na faixa das 21h às 21h52, emplacou 8 pontos de média, 11,6% de participação/share, e pico de 10,3 pontos.


Está de volta


Leandro Quesada estreia, na segunda que vem, como comentarista do “BandNews na Área”, diário, às 22h.


O programa, que combina futebol, informação e entretenimento, tem as participações de Alinne Fanelli, Mauricio Ferreira, Yuri Queiroga, Alessandro di Lorenzo, Bruno Capozzi, Bruno Camarão e Marcelo do Ó.


Erraram na conta


Alguém, no jornalismo da Band, faltou na aula de aritmética, a que ensina as quatro operações. Em uma iniciativa até interessante, foram confeccionadas para a redação camisetas com os dizeres “eu faço parte dessa realização”, numa referência à cobertura das eleições 2022.


Mas não fizeram para todos. Quem ganhou, ganhou. Quem não ganhou, não ganha mais.


Duro é consertar


Está certo que ninguém vai ficar mais pobre ou rico, importante ou não, por causa de uma camiseta.


Há até quem não se importe, mas em ocasiões do tipo sempre vale muito a pena tomar todos os cuidados e oferecer um tratamento igual.



Chamada


Na noite desta sexta (4), às 22h30, com apresentação de Eliana e Daniel, o SBT vai abrir os trabalhos de mais um Teleton. Hoje, serão apenas três horas ao vivo, inclusive com a presença de Adriane Galisteu. Depois gravado.


E, amanhã, sábado, ao vivo o dia inteiro.


Bate – Rebate


• Marcada para terça-feira, às 11h, no Fabrique Club, em São Paulo, a coletiva de imprensa e exibição do primeiro episódio do reality show “De Férias Com o Ex Caribe: Salseiro VIP”.


• Liège Monteiro e Luiz Fernando Coutinho lançaram ontem, em São Paulo, o livro “Bastidores”.


• A Globo já começou a gravar a campanha de fim de ano, movimentando todo o seu elenco…


• … Criou-se uma lenda que o Brasil só faz sucesso no streaming com comédias, em especial aquelas estreladas por Leandro Hassum…


• … É muito bom ver o Hassum brilhar, mas não só ele. O público também tem valorizado outras investidas e os exemplos se espalham. “Bom Dia, Verônica” é um caso…


• … Sucesso aqui e no mundo. E agora, “Depois do Universo”, com Giulia Be e Henrique Zaga.


• Erlan Bastos já acertou sua volta à TV Meio Norte, emissora independente de sinal aberto em oito estados…


• … Lá, a partir de janeiro, irá apresentar o “Programa da Tarde”, com uma mistura de jornalismo e fofocas.


• Todo jornalismo da Record, telejornais e programas, tem observado altas na audiência quase que diariamente…


• … Na última terça-feira, foi ainda mais especial, com um crescimento bem importante em todas as faixas…


• … Foi o dia que o presidente Bolsonaro fez um pronunciamento. É uma das vantagens de quem tem jornalismo em todas as faixas da sua programação.


• A estreia do espetáculo “ComédiaPontoCom”, estrelada por Nilton Bicudo e Ana Andreatta, sábado, às 19h, marca a inauguração da nova sala Elias Andreato, no Teatro União Cultural, em SP.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *